Parte 2 – Processamento de arquivo-retorno no Boletomail

Continuação das instruções de processamento do arquivo-retorno do seu banco

Após ter baixado o(s) arquivo(s) retorno conforme instruções específicas do seu banco, você deve processá-lo no Boletomail, conforme abaixo:

1 – Acesse o seu painel de controle Boletomail (www.boletomail.com.br) e clique em: “Conciliação” e “Processar arquivo-retorno”

retorno_itau_3

2 – Selecione o arquivo-retorno que você acabou de baixar do site do Banco. Caso você tenha mais de um cod_config na Boletomail, você deve selecionar o código a que corresponde o arquivo que você baixou.  Caso contrário, deixe selecionado o cod_config = 0. Clique no botão “visualizar pagamentos do arquivo” para verificar os dados do arquivo.

retorno_itau_4

3 – Na próxima tela serão exibidos os dados do arquivo-retorno, conciliados com os dados que constam no seu histórico de boletos. A amarração dos dados é feita pelo campo “nosso número” dos boletos.
No caso de algum boleto não ser encontrado no sistema, será exibida a mensagem “Não encontrado” no campo “Pagador”. Isso significa que este pagamento refere-se a um boleto que não foi gerado no Sistema Boletomail.
Sempre cheque se a coluna da “Data Pago” e “Valor Pago” não estão com sinal de alerta. Neste caso, o boleto pode ter sido pago após o vencimento, ou com valor a menor, ou com desconto. Você deve checar se o pagamento foi feito de acordo com as suas regras, e caso o boleto esteja irregular, não dê a baixa de pagamento. Nesta situação, basta retirar a seleção do checkbox “Baixar”, de forma que o boleto não será marcado como pago no sistema. Cobre as eventuais diferenças do seu cliente, e somente após ele saldar as diferenças, dê a baixa no pagamento.

Caso seja exibido o ícone 1+ na linha de algum boleto, significa que ele já consta como pago no sistema Boletomail. Neste caso, pode ter ocorrido um pagamento em duplicidade, ou este arquivo já ter sido processado no sistema.
Clique no botão “Baixar boletos selecionados” para marcar os boletos como pagos no histórico.

ENTRADA_CONF, significa que a entrada do boleto foi confirmada.
REJEITADO, significa que houve algum erro que impediu o boleto de ser confirmado. Neste caso, você deve verificar se houve algum problema nos dados do boleto (CPF/CNPJ faltante ou incorreto, endereço faltante ou incorreto), e gerar novamente o boleto no Boletomail.
BAIXA_CONF significa que seu boleto foi baixado (cancelado) com sucesso no banco
BAIXA_REJ significa que houve algum erro ao baixar o boleto no banco

retorno_itau_5

4 – Na próxima tela será exibido um relatório confirmando a baixo dos pagamentos que foram selecionados:

retorno_itau_6

Observações:
– Quando um boleto é baixado por este sistema, ele será marcado com PG=S no histórico e será preenchido o campo de “Anotações sobre o pagamento” do boleto, com a informação da baixa pelo arquivo-retorno:
baixa_1

– Basta clicar no ícone do bloco de anotações para recuperar os detalhes da baixa do pagamento:

baixa_2

– Caso você já tenha feito anotações de pagamento anteriormente, não se preocupe, as informações da baixa pelo arquivo-retorno serão adicionadas às informações já existentes.

– Quando um boleto for pago em duplicidade, você poderá checar por esta anotação. Basta verificar se aparecem duas baixas de arquivo-retorno com arquivos diferentes. Caso positivo, está confirmado que o boleto foi pago em duplicidade pelo seu cliente.

– Nestas anotações também ficará registrado todas as informações relevantes sobre o pagamento. Desta forma você poderá sempre consultar se o boleto foi pago após o vencimento, se foi paga a multa e juros e se foi pago com desconto, ou valor a menor.

– Todos os arquivos processados ficam disponíveis no link “Conciliação”, “Consultar Arquivos processados”:

baixa_3

– Na listagem dos arquivos processados, atente para as colunas “Pagos após o vencimento” e “Pagos valor a menor”. Estas colunas são para o seu controle e quando o valor for maior que zero, significa que houve algum evento que merece a sua atenção no arquivo-retorno.

– Para visualizar os boletos afetados pelo arquivo-retorno, basta clicar sobre o nome do arquivo, para exibir os boletos correspondentes no seu histórico de boletos:

baixa_4

Esse post foi publicado em Dicas Boletomail. Bookmark o link permanente.

3 respostas para Parte 2 – Processamento de arquivo-retorno no Boletomail

  1. Pingback: Como processar o arquivo-retorno do Santander |

  2. Pingback: Como processar os arquivos retorno do banco Itaú |

  3. Pingback: Como processar os arquivos-retorno do Bradesco |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s